A estratégia é um tema importante para jogadores de todos os níveis. Ela ajuda a entender o rumo que a partida deve tomar, a criar um plano vitorioso, a compreender e utilizar a seu favor o movimento de cada peça. Ensina também a buscar vantagens em posições aparentemente igualadas, a estragar aos poucos o jogo do adversário enquanto melhora o seu próprio jogo e como os peões e suas estruturas direcionam a partida. O estudo de estratégia distingue os que irão evoluir no jogo dos que não vão, pois aumentam consideravelmente a visão individual sobre Xadrez.

E para começar, nada melhor do que conhecer os conceitos básicos que farão seu jogo melhorar consideravelmente desde o início da partida. Vamos lá?

Para onde mover minhas tropas no começo da partida?

Assim que a partida começa, ambos os jogadores tem pelo menos três objetivos que devem ser cumpridos a todo custo para se passar da abertura ao meio jogo de forma segura, com as tropas bem posicionadas e sem atrasos no desenvolvimento. São eles:

 

  • Dominar o centro;
  • Desenvolver as peças;
  • Proteger o Rei;

 

Veja a seguir como desenvolver bem cada um desses conceitos.

O centro

O centro do tabuleiro é um lugar estratégico para ambos os lados. De lá, o jogador tem acesso rápido a todos os pontos chave do tabuleiro. Pode preparar um ataque certeiro e rápido, ou contra-atacar para aliviar um ataque em seu território. Pode também barrar um ataque inimigo, ou servir como ponto de apoio para um Cavalo bem posicionado. A briga por esse espaço geralmente começa no primeiro lance e continua com o decorrer da partida. Geralmente só se abandona a “luta pelo centro” quando se tem um objetivo maior garantido, como um ataque fulminante, por exemplo.

Esse é o centro do tabuleiro:

Centro do tabuleiro

O centro do tabuleiro é composto pelas casas e4, e5, d4 e d5 e o grande centro são todas as casas que rodeiam o centro.

 

Como dominar o centro?

  • Iniciar com um dos peões centrais, peão do Rei ou peão da Dama são ótimas pedidas;
  • Mover os cavalos para o centro, não para a borda do tabuleiro;
  • Os Bispos, de preferência devem direcionar seu ataque de forma direta ou indireta ao centro e grande centro;

Desenvolvimento

 

No inícios, ambos os lados tem o exército posicionado da mesma forma. Cada jogador vai reposicionando suas tropas de acordo com o posicionamento das peças do adversário e de forma estratégica a fim de dar mobilidade e mais poder de fogo a cada peça.

 

Em uma sequência normal, desenvolvemos um ou mais peões, normalmente os centrais, depois Cavalos e por fim os Bispos. O motivo é simples, peças de curto alcance precisam estar mais próximas do exército oponente para ter mais força e poder de ação. Outras dicas a seguir no desenvolvimento das peças são:

  • Evitar mover a mesma peça várias vezes na abertura;
  • Não desenvolva uma peça para uma casa que atrapalhará outra;
  • Em geral, não é bom sair com a Dama cedo;
  • Os cavalos devem se mover em direção ao centro;
  • Mova somente 1 ou 2 peões na abertura. Movendo 5 ou 6 sua estratégia estará praticamente às ruínas;
  • Lembre-se que peão não volta, logo pense bem antes de realizar um avanço ou captura;

 

Esse é um exemplo de como posicionar nossas peças de forma estrategicamente boa:

 

Desenvolvimento ideia

Observe na imagem, de onde as peças saíram e pra onde foram, e como elas tem sua potencia melhorada com o novo posicionamento. Veja também como as peças atuam no centro.

A segurança do Rei

Em um jogo onde o objetivo é encurralar o Rei, deixando-o sem saída, o mínimo que podemos esperar é que o adversário tente um ataque ao nosso Rei. A fim de evitarmos ataques fáceis a nosso monarca, proteger nossa formação de batalha e planos de possíveis armadilhas e temas táticos, devemos tentar realizar o roque em todas as partidas.

Roque a segurança do ReiQuando o Rei estáprotegido você poderá atacar sem temer um contra ataque imediato.

 

Uma vez que projetamos nossas peças para o centro do tabuleiro, desenvolvemos as peças posicionando-as em casas de melhor valor estratégico e protegemos o Rei, finalizamos a fase do jogo chamada abertura.

 

E então, gostou das dicas? Siga-nos nas redes sociais e fique por dentro das novidades do nosso blog. Curta, comente, compartilhe! Espalhe também o Xadrez pela Web.

 

Até a próxima ;)